Pão & Prosa

O pão que não pode faltar e a prosa gostosa de sempre!

Banco dos Infernos

banco

Por Gil Nascimento

Querem saber de um lugar desumano é BANCO, “nossa senhora”, eu vivo pedindo a Deus para nunca precisar de um Banco e um hospital publico, por que eu acho que pior que um banco é um Hospital publico, Banco no Brasil é todo errado, abri as 10:00 e fecha as 16:00, quem mais trabalha nesse horário? Apenas os políticos e outros ordinários, fui hoje a Caixa Econômica Federal, que por ser federal deveria ser exemplo, mas que nada, cheguei um pouco mais cedo para não pegar a senha 100.0000, e fui o segundo da fila(veja o quão cedo cheguei), tinha gente com fome na fila, outros que ainda iriam para o trabalho, a coisa estava meio sinistra lá, até as luzes do banco estavam dando um tom macabro ao local, o destrato ao publico começa pelos funcionários, esses a grande maioria só chegam para trabalhar depois das 09:00, tudo bem, para o horário deles está ótimo, pega mal é para nós que somos assalariados, passam pela enorme fila que tá se formando e nem bom dia dão, alguns é claro, mas o absurdo são os vigilantes, antes do banco abrir ele acham que todos na fila são candidatos a assaltantes de banco e que aquela agência seria uma vitima  em potencial, o tempo passando lentamente e as coisas ficando cada vez mais feia, a fila estava enorme, mas tipo tinha gente que nem devia tá na fila, mas cê sabe não é, mania de fila é FOGO, ninguém agüenta ver uma fila novinha em folha que ponga logo atrás, os vigilantes medindo todo mundo dos pés a cabeça, como quem pensa “quero ver, quem vai tentar alguma coisa ai… Quero ver o engraçadinho, o primeiro do dia” isso coçando a arma ainda devidamente guardada, é uma situação da zorra, parece que estamos ali pedindo favor e esmolando, só queremos resolver nossos problemas e mais nada, não estamos pedindo nada demais, apenas algo que temos direito. Você entra e quando vai ser atendido os caixas agem com uma cortesia exagerada, resultado de uma falsidade bem trabalhada ao longo dos anos, por que aqueles mesmos caixas, passaram por mim a tempos atrás na ante-sala do banco e nem me cumprimentou, na hora de contar meu dinheiro, até piadinha rola, passei de desconhecido a amigão de uma lá, que até sorrir demais pro meu gosto! Eu fazendo figa para aquela tortura acabar, por que tinha que voltar para o meu trabalho, a verdade é que sair do trabalho as 09:00 e só consegui voltar 11:30, uma manhã improdutiva, num sistema de banco que só faz lucrar as nossas custas e não temos direito a nenhum tipo de regalia, só a pagar… aff ! ! ! ! ! ! ! Banco é uma droga, ainda mais os públicos.

Anúncios

Single Post Navigation

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: